Sala Crítica
Amazon Destaque Especiais TV e streaming

Ótimas séries do streaming para maratonar durante a quarentena

Ótimas séries do streaming para maratonar durante a quarentena

Estamos passando por um período difícil, em que humanidade está um de seus maiores desafios: vencer o coronavírus. E uma das medidas adotadas para combater essa doença é a quarentena — a qual, inclusive, recomendamos a todos que possam fazer, para evitar a propagação do Covid-19.

No entanto, não é fácil ficar isolado, sabemos. E, para ajudar a superar esse momento que pode ser tedioso, cada membro da equipe do Sala Crítica decidiu indicar uma de suas séries favoritas para que você maratone durante este período em casa. Obviamente, escolhemos programas que estão disponíveis em variados serviços de streaming, para facilitar a sua vida.

Então, vamos às dicas:


The Office (2005 – 2013) – 9 temporadas
Onde assistir: Amazon Prime Video e Globoplay
Por Carlos Redel

The Office

The Office está disponível no Prime Video e no Globoplay

A adaptação norte-americana da série criada por Ricky Gervais e Stephen Merchant trouxe Steve Carell como Michael Scott, um dos personagens mais hilários da televisão. Adotando um estilo documental, a atração acompanha o dia a dia de um escritório de uma fábrica de papel, a Dunder Mifflin, em que os funcionários precisam lidar com Michael, o gerente regional de Scranton, na Pensilvânia. O executivo, que é uma pessoal peculiar e pouco popular, enxerga em seus empregados os seus melhores amigos, o que acarreta em situações pra lá de constrangedoras e, consequentemente, hilárias. Além de Carell dar um show na série, o elenco da série ainda conta com outros nomes que se destacam como Rainn Wilson, Jenna Fischer e John Krasinski. Com 188 episódios, a atração é uma ótima pedida para quem quer se apaixonar — e se irritar — por excelentes personagens, se entreter por bastante tempo e chorar de tanto rir.


American Horror Story (2011 – presente) – 9 temporadas
Onde assistir: Globoplay
Por Paola Rebelo

American Horror Story

American Horror Story está disponível no Globoplay

Os fãs de terror também não precisam ficar só nos filmes durante o período de isolamento. Trata-se de uma série antológica, daquelas em que cada temporada conta uma história isolada e sem continuidade. No entanto, o elenco possui poucas alterações de uma temporada para outra, sempre interpretando novos personagens em contextos completamente novos. Na primeira temporada, tivemos a clássica história de uma casa mal assombrada; na segunda, um manicômio de criminosos insanos com elementos de possessão demoníaca; na terceira, uma irmandade de bruxas em disputa para ver quem será coroada a nova líder… E assim por diante. A série foi criada por Ryan Murphy e Brad Falchuk, dupla que produziu a série Scream Queens (2015 – 2016), que conta também com Emma Roberts e Billie Lourd, duas atrizes recorrentes de American Horror Story. A série conta com umas dúzias de nomes famosos, tais como Lady Gaga (muito antes de Nasce uma Estrela), Kathy Bates, Sarah Paulson, Joseph Fiennes, Cuba Gooding Jr., Taissa Farmiga, Zachary Quinto, Jessica Lange, Evan Peters e Angela Bassett. A 10ª temporada está marcada para estrear em 2020 e, embora ainda não tenha sua temática divulgada, já possui grandes retornos e novas adições ao elenco, entre elas Macaulay Culkin.


Mad Men (2007 – 2015) – 7 temporadas
Onde assistir: Netflix
Por Diego Francisco

Mad Men

Mad Men está disponível na Netflix

Criada por Matthew Weiner, Mad Men foi a primeira série original do AMC, que viria a produzir Breaking Bad e The Walking Dead. Ambientada nos anos 60, a produção segue a agência de publicidade Sterling Cooper acompanhando vida dos publicitários, o machismo e preconceito da época e as mudanças na sociedade que aconteciam na década. O protagonista é o misterioso Don Draper (Jon Hamm), publicitário criativo mas cheio de segredos. Draper é um dos anti heróis mais complexos da história da TV, capaz de inúmeras ações cruéis e egoístas, mas, ao mesmo tempo, de ajudar aos outros enquanto foge de um traumático passado. Mesmo com ambientes machistas, a série brilha com persoangens femininas fortes que desafiam as dinâmicas ultrapassadas da época como Peggy Olson (Elizabeth Moss), Joan Holloway (Christina Hendricks) e Sally Draper (Kiernan Shipka). Ao longo de 92 episódios, Mad Men é uma série sofisticada, divertida, muito bem escrita e espetacular.


House (2004 – 2012) – 8 temporadas
Onde assistir: Globoplay e Amazon Prime Video
Por André Bozzetti

House

House está disponível no Amazon Prime Video e no Globoplay

Talvez tudo que você esteja evitando no momento seja justamente ver médicos e hospitais, mas vale a pena abrir uma exceção para House. Hugh Laurie interpreta o personagem que dá nome à série, o Dr. Gregory House, um médico arrogante e viciado em analgésicos controlados, utilizados para manter tolerável a dor proveniente da lesão que possui em sua perna direita. Mas, apesar de ser uma pessoa quase insuportável e absolutamente antissocial, House é um gênio. Ele faz os diagnósticos que ninguém mais conseguiria e salva vidas de pessoas em casos impossíveis. A sua equipe de auxiliares mudou bastante com o passar das temporadas, mas conseguiu manter uma ótima dinâmica com o protagonista quase até o final da série, que infelizmente decaiu bastante a qualidade. De maneira geral, cada episódio é uma história independente, o que não cria aquela ansiedade de assistir logo o próximo capítulo. Muito bom para quando você não quer passar horas seguidas preso à mesma história.


How I Met Your Mother (2005-2014) – 9 temporadas
Onde assistir: Amazon Prime Video
Por Pedro Kobielski

How I Met Your Mother

How I Met Your Mother está disponível no Amazon Prime Video

É muito difícil bater de frente com Friends, a série de comédia mais bem sucedida da história da televisão americana. Poucas produções reuniram condições de concorrer com a gigante da NBC em termos de popularidade e engajamento dos fãs. Mas, sem sombra de dúvida, a que chegou mais perto disso foi How I Met Your Mother — que entrou no catálogo do Amazon Prime Video anos após ter saído da Netflix e deixado seus milhares de fãs órfãos. How I Met Your Mother durou nove temporadas e foi uma produção que soube como ninguém manter o interesse de seu público mesclando humor, drama e fofura em doses certeiras, fazendo com que nos sentíssemos parte daquele grupo de amigos tão peculiar. A trama acompanha o arquiteto Ted Mosby (Josh Radnor), que no ano de 2030 resolve contar aos seus filhos a história de como conheceu a mãe deles. É aí que voltamos ao passado para conhecer seus amigos: o casal de desajeitados Marshall (Jason Segel) e Lily (Alyson Hannigan), a jornalista canadense Robin (Cobbie Smulders) e o garanhão Barney (Neil Patrick Harris) — e suas desventuras na cidade de Nova York. Conferindo uma personalidade única a cada membro de seu elenco, estabelecendo conflitos factíveis entre os personagens (que sempre acabam sendo resolvidos com muito amor, claro) e cozinhando muito bem a audiência até a fatídica revelação da mãe que dá nome à série, How I Met Your Mother é uma das melhores pedidas possíveis para esse período complicado. Você vai rir, chorar, sentir raiva e vontade abraçar a cada um desses personagens. Isso se você conseguir ignorar o controverso desfecho da série…


The Sopranos (1999-2006) – 6 temporadas
Onde assistir: HBO GO
Por João Vitor Hudson

The Sopranos

The Sopranos está disponível no HBO GO

Um mafioso de ascendência italiana decide fazer terapia, pois seus ataques de ansiedade estão acima do normal. É esse o ponto de partida The Sopranos (ou como ficou popular no Brasil, Família Soprano), uma das séries de TV mais aclamadas de todos os tempos. O programa do showrunner David Chase é protagonizado por James Gandolfini no papel de Tony Soprano, um dos chefes de uma família mafiosa de New Jersey, que domina o submundo do crime naquela região desde os anos 1960. Mas se engana que a série se apoia somente nele, pois o restante do elenco é fantástico. Entre os Sopranos do título, temos a matriarca Carmela (Edie Falco), que questiona se o seu papel é somente ser a ‘mãe dos filhos de Tony’; Meadow (Jamie-Lynn Sigler), a filha mais velha que não aprova os meios de onde o pai tira o sustento da casa; Anthony Jr. (Robert Iler), o filho mais novo e problemático da família; Christopher (Michael Imperioli), que não é Soprano no nome, mas no sangue, e aos poucos se torna um dos principais membros da família mafiosa; e Corrado ‘Junior’ Soprano (Dominic Chianese), o membro mais velho da família, quem tem uma relação de amor e ódio com Tony. The Sopranos não é uma série focada na trama, mas, sim, no desenvolvimento de seus personagens, mas de toda forma é excelente de assistir. Para quem quer um programa mais ‘cabeça’, mas ainda assim divertido, The Sopranos é a série ideal para essa quarentena.


Quer ficar por dentro de todas as novidades sobre filmes e séries? Siga a gente no Instagram!

The following two tabs change content below.
Jornalista e radialista, é um dos fundadores do Bode na Sala. Se orgulha de ter nascido em São Borja, no interior do Rio Grande do Sul, e, atualmente, mora em Porto Alegre. Trabalhou em todas as áreas que se pode imaginar, mas acabou caindo no submundo geek. É fã do Jim Carrey, acha que o Ben Affleck é o melhor Batman do cinema, não suporta pseudo-cultismo e pretende dominar o mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *