Sala Crítica
Amazon Destaque Filmes Notícias

Borat alfineta Bolsonaro e cria escândalo com advogado de Donald Trump em sequência

Borat alfineta Bolsonaro e cria escândalo com advogado de Donald Trump em sequência

Borat: Fita de Cinema Seguinte estreou causando diversas polêmicas, o filme satiriza diversos líderes políticos e o Presidente da República Jair Bolsonaro está entre eles.

O repórter cazaque passou 14 anos na cadeia e quando saiu disse: “Os EU da A foram arruinados por um homem que ia contra os valores americanos: Barack Obama […]. Um magnífico novo premier chamado McDonald Trump assumiu o poder e fez a América grande de novo [imagem de manifestantes com a bandeira dos Confederados]. E ele também ficou amigão de líderes mundiais durões: Putin, Kim Jong-un, Bolsonaro e Kenneth West”, comparando o presidente brasileiro com outras figuras controversas.

[Spoilers do final do filme abaixo]

A carreira de Sacha Baron Cohen sempre foi pautada em enganar pessoas e políticos a dar entrevistas para algum de seus personagens fictícios. Por exemplo, quem é entrevistado pelo Borat realmente acha que está falando com um repórter estrangeiro.

No clímax do filme, Tutar (Maria Bakalova), filha do protagonista, está entrevistando Rudy Giuliani, ex-prefeito de Nova York e advogado pessoal de Donald Trump em um apartamento. Entre comentários como “Eu te relaxo”, Giuliani afirmou que a China fabricou e disseminou o coronavírus ao redor do mundo e que o presidente Trump salvou um milhão de vidas com a sua resposta a pandemia.

Depois da entrevista, a atriz convidou o advogado para beber no quarto do apartamento. Giuliani pede pelo nome e endereço da jovem enquanto senta na cama e ela o ajuda a afrouxar a camisa. Quando Giuliani coloca a mão dentro da calça, Sacha Baron Cohen vestido com uma camisola o interrompe gritando “Ela tem 15 anos. Ela é velha demais pra você” e tenta convencê-lo a fazer sexo com ele ao invés da filha. O advogado sai do apartamento, Borat diz “Trump vai ficar decepcionado. Você está saindo sem a sua golden shower”.

Segundo a Vanity Fair, Rudy Giuliani chamou a polícia contra o Cohen pouco depois da pegadinha. O advogado se defendeu dizendo que ele estava apenas ajeitando a camisa dentro da calça. Borat Sagdiyev em pessoa ajudou a defende-lo com uma declaração em vídeo.

Eu estou aqui para defender o prefeito da América Rudolph Giuliani. O que era apenas um encontro de sexy time entre um homem consentindo e minha filha de 15 anos foi transformado em algo nojento pela mídia de fake news. Eu estou avisando, alguém mais tente fazer isso que Rudolph não vai hesitar em alcançar suas calças legais e vai colocar seu pênis pra fora”.

Quer ficar por dentro de todas as novidades sobre filmes e séries? Siga a gente no Instagram!

The following two tabs change content below.
Estudante de jornalismo, tem 21 anos e é assistidor de séries semi profissional. Viciado em cinema desde sempre, nunca trabalhou na área e pretende mudar isso algum dia. Fã do Studio Ghibli, slashers e musicais, adora cinema sul-coreano e nas suas formas de vingança.

Latest posts by Diego Francisco (see all)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *