Sala Crítica
Críticas Destaque Filmes Netflix TV e streaming

Missão Presente de Natal | Crítica

Missão Presente de Natal | Crítica

Crítica de Missão Presente de Natal, da Netflix

Missão Presente de Natal (Operation Christmas Drop)

Ano: 2020

Direção: Martin Wood

Roteiro: Brian Sawyer, Gregg Rossen

Elenco: Alexander Ludwig, Kat Graham, Virginia Madsen, Janet Kidder, Bethany Brown, Trezzo Mahoro

A Netflix tem investido ultimamente em atrações que focam nas festividades natalinas e, com isso, aos poucos, seu catálogo tem se preenchido com aqueles clássicos filmes confortáveis e aconchegantes para comemorar as festas de fim de ano. O longa Missão Presente de Natal se enquadra bem nesse estereótipo e já alcançou o segundo lugar no ranking de mais assistidos no Brasil em apenas um dia desde sua estreia.

O filme conta a história de Erica Miller (Kat Graham), uma assessora do Congresso dos Estados Unidos que tem como tarefa a ordem de investigar uma base da Força Aérea na ilha de Guam, incumbida por sua chefe de procurar por defeitos estruturais que possam levar ao encerramento da Operação de Natal naquela região, uma vez que tal localidade estava fora do território de interesse votante para o partido.

Para analisar todo o caso, Erica acompanha o capitão Andrew Jantz (Alexander Ludwig), que se disponibiliza a apresentar para ela a importância do trabalho militar para a comunidade local da ilha, mostrando o quanto se esforçam em arrecadar doações de produtos que garantam a alimentação, higiene e facilitem a vida da população local.

Missão Presente de Natal tem um enredo bem leve e good vibes, porém, parece que a trama anda muito devagar. Não há dúvidas de que a protagonista deve dar o braço a torcer, mesmo que isso arrisque seu emprego, e manter a base da força aérea de Guam em funcionamento, porque no decorrer do tempo não surge nenhum indício de que o serviço que os militares prestam é dispensável ou até mesmo custoso financeiramente, uma vez que tudo eles conseguem adquirir na base de troca.

Nesse quesito, também entra o fator de que a figura do capitão Jantz é pintada de forma totalmente idealizada, ele é um homem totalmente altruísta e sem defeito algum, até mesmo sua personalidade é agradável, o que conquista rápido a afeição da personagem principal, porém, fica difícil de acreditar que uma pessoa como essa possa existir. Isso, no entanto, é uma crítica ao roteiro e não ao ator, porque Alexander Ludwig consegue entregar bem o personagem bom samaritano que lhe foi delegado, não há uma sombra de seus papéis anteriores de Vikings ou Jogos Vorazes pairando sobre Andrew Jantz, o que é legal porque mostra como ele consegue ser versátil e se desvincular de produções passadas. 

Ao final da produção, antes de rolarem os créditos, há inserções a respeito da verdadeira Missão Presente de Natal que é operada pela Defesa da Força Aérea americana desde o ano de 1952, enviando suprimentos para os ilhéus da Micronésia. Hoje, ela fornece cerca de 22 mil quilos de guarnição para 56 ilhas, comentando também sobre Bruce Best, que é um dos mais antigos voluntários da causa, contribuindo há mais de 40 anos como o único contato que liga as demais ilhas à Guam, o que mostra como ainda são escassos os recursos de comunicação e como o projeto muda vidas.

Por conta disso, é até compreensível a maneira como representaram o capitão no enredo, uma vez que o filme serve como uma forma de homenagear o trabalho filantrópico que segue sendo realizado até os dias atuais. Se você está procurando por uma atração que tenha uma narrativa suave e um romance singelo, talvez essa seja uma boa pedida para passar o tempo. Missão Presente de Natal tem toda a cara de Sessão da Tarde.

Nota:

Quer ficar por dentro de todas as novidades sobre filmes e séries? Siga a gente no Instagram!

The following two tabs change content below.
Designer de moda e redatora gaúcha, vivendo em São Paulo. Interessada por arte e cultura pop em suas mais diversas áreas. Por ser uma romancista entusiasta, curte assistir adaptações literárias para o cinema, e pela ligação acadêmica com figurino, longas de época ocupam o topo da sua lista de filmes favoritos. Além disso, possui o super poder de guardar com facilidade nomes de artistas e apontar suas participações em produções.

Latest posts by Luna Rocha (see all)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *