Sala Crítica
Séries Teoria TV TV e streaming

Teoria | Esqueça Mefisto. Wanda é a vilã de WandaVision!

Teoria | Esqueça Mefisto. Wanda é a vilã de WandaVision!

WandaVision (2021) foi a primeira minissérie do MCU a estrear no Disney+ e chegou fazendo barulho com uma trama repleta de mistérios, que levou os fãs a uma série de teorias e especulações, especialmente sobre o possível vilão.

Para compreendermos o que está acontecendo em WandaVision é preciso retomar Vingadores: Era de Ultron (2015), recapitulando como Wanda Maximoff (Elizabeth Olsen) adquiriu seus poderes.

Wanda e seu irmão gêmeo Pietro (Aaron Johnson) foram os únicos sobreviventes dos experimentos conduzidos pela Hidra com a Joia da Mente contida no cetro anteriormente utilizado por Loki (Tom Hiddleston) em Vingadores (2012).

Sem uma explicação de como funciona e qual a extensão dos poderes de Wanda, assistimos a feiticeira manipular as mentes de Tony Stark (Robert Downey Jr.), Steve Rogers (Chris Evans), Thor (Chris Hemsworth), Natasha Romanoff (Scarlett Johansson) e Bruce Banner (Mark Rufallo) através da telecinia.

Em Capitão América: Guerra Civil (2016) e, posteriormente, Vingadores: Guerra Infinita (2018), acompanhamos Wanda desenvolvendo e dominando seus poderes, ainda sem maiores explicações e sem conhecer a extensão deles.

No final de Vingadores: Guerra Infinita, Wanda é obliterada pelo estalo de Thanos (Josh Brolin) e ressurge no terceiro ato de Vingadores: Ultimato (2019), após o estalo de Hulk, mostrando que é tão poderosa que poderia derrotar o vilão sozinha, caso ele não trapaceasse.

Depois do funeral de Stark voltamos a ver Wanda em sua série no Disney +, onde conhecemos um pouco mais da extensão dos seus poderes, contemplando a criação um realidade alternativa em forma de sitcom protagoniza por ela e seu namorado Visão (Paul Bettany), teoricamente morto em Vingadores: Guerra Infinita.

Por mais confuso que tudo possa parecer, aparentemente boa parte das questões que a minissérie tem levantado podem ser respondidas considerando o retrospecto da personagem, alguns conceitos estabelecidos no MCU, as HQs e, claro, alguma imaginação.

Primeiro, é preciso lembrar que, no MCU, Wanda foi aprimorada pela Joia da Mente, que é uma das singularidades cósmicas sencientes anterior à criação do universo que acabou sendo encapsulada em forma de pedra durante o Big Bang, a explosão que deu origem ao universo, como explicado por Taneleer Tivan / O Colecionador (Benicio del Toro) em Guardiões da Galáxia (2014).

Segundo, não é necessário entender, mas é indispensável saber que este conceito apresentado no MCU vai ao encontro da tese do físico Charles Misner, especialista em cosmologia que, através dos seus estudos sobre a dinâmica do universo primitivo, sugeriu da criação do universo a partir do caos.

Terceiro, é essencial conhecer os poderes de Wanda nas HQs, onde ela é capaz de manipular, deformar e reconstruir o próprio tecido da existência e da realidade, inclusive  provocar a destruição total do cosmos, através do controle da Magia do Caos.

Com estas três informações é possível imaginar o que está acontecendo em WandaVision: a Joia da Mente é uma singularidade cósmica senciente anterior a criação do universo, portanto, ela era parte do caos que deu origem ao universo. Wanda tem o poder de controlar as singularidades através do domínio da Magia do Caos, comandando os mesmos aspectos da existência das Joias do Infinito.

E isto faz ainda mais sentido levando em conta que o Presidente do Marvel Studios, Kevin Feige, falou à New York Filme Academy, no final de 2019, que Wanda Maximoff era a personagem mais forte do MCU, mesmo depois de Carol Denvers (Brie Larson) ter segurado Thanos com a manopla completa em Vingadores: Ultimato.

É assim que Wanda manipula a mente dos moradores Westview. Tal como fez com os Vingadores em Vingadores: Era de Ultron, criou uma realidade paralela, expulsou Geraldine / Monica Ramebau (Teyonah Parris) com uma rajada de energia desta realidade, retrocedeu o tempo quando percebeu a intrusão de um agente da ESPADA em sua realidade, e deu alma ao Visão, que está morto, e aos gêmeos que acabaram de nascer. Até agora, Wanda só não manipulou o espaço.

Não podemos esquecer que a Dra. Darcy Lewis (Kat Dennings) afirmou no recente episódio Interrompemos Este Programa, que a radiação do campo de energia criado por Wanda é a mesma produzida pela Big Bang, evidenciando que Wanda domina o caos que deu origem ao universo e às Joias do Infinito.

Conclui-se que Wanda não está sendo manipulada por nenhum vilão cósmico ou místico, portanto, a construção desta realidade foi a forma que ela conseguiu lidar com o trauma da perda do seu irmão Pietro e do seu namorado Visão.

Quando a ESPADA confrontar a expansão da realidade criada por Wanda, ela vai surtar – não só pela probabilidade de perder Visão novamente, mas, especialmente, pela possibilidade de perder os gêmeos.

Este será o gatilho que levará Wanda a ameaçar todas a realidade no MCU, se tornando a vilã que trará problemas para o Homem-Aranha (Tom Holland) e desencadeará a intervenção de Stephen Strange (Benedict Cumberbatch) em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura (2022).

Outros desdobramentos importantes de WandaVision serão as descobertas de que Agnes (Kathryn Hahn) é na verdade Agatha Harknes, um bruxa poderosa enviada por Strange para monitorar Wanda, e que o contato de Monica Rambeau com a energia extradimensional vai concedê-la poderes, dando origem à heroína Fóton, como acontece nos quadrinhos. Mas isto é assunto para outro publicação!

O 5º episódio de WandaVision estará disponível na Dinsey+ na próxima sexta-feira, 5 de fevereiro.


Quer ficar por dentro de todas as novidades sobre filmes e séries? Siga a gente no Instagram!

The following two tabs change content below.

Dudu Correa

Dudu Correa é profissional de Comunicação e TI. Entusiasta da física quântica, um dos poucos brasileiros sem pós em Harvard. Curte filmes, séries e HQs, mas só coleciona histórias para contar.

Latest posts by Dudu Correa (see all)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *