Sala Crítica
Críticas Destaque Filmes TV e streaming

O Informante | Crítica

O Informante | Crítica

O Informante (The Informer)

Ano: 2019

Direção: Andrea Di Stefano

Roteiro: Matt Cook, Andrea Di Stefano, Rowan Joffe

Elenco: Joel Kinnaman, Rosamund Pike, Common, Ana de Armas, Clive Owen

Baseado no livro Three Seconds dos autores Anders Roslund e Börge Hellström, O Informante é uma grata surpresa. O que parecia ser mais um filme de crime genérico, daqueles que a Netflix vive desovando no seu catálogo, acabou se mostrando um thriller muito eficiente, extremamente tenso e com um elenco excelente.

A trama segue Pete Koslow (Joel Kinnaman), um ex-militar com transtorno de estresse pós traumático, que passou a trabalhar no tráfico de drogas com uma gangue polonesa. Ele é secretamente informante do FBI, infiltrado há mais de quatro anos na máfia, mal esperando a operação acabar para voltar a ter uma vida normal com a esposa e filha. Quando tudo parecia estar chegando ao fim, Pete se vê envolvido na morte de um policial, o que colocou toda a missão em risco, e agora precisa se envolver ainda mais profundamente com os criminosos antes de poder se ver livre desta vida.

Sim, tudo na premissa já foi visto inúmeras vezes em projetos melhores e piores, mas a execução aqui é inegavelmente bem feita. Pete é construído como um homem íntegro e torturado, que errou no passado e agora paga pelas consequências de suas ações. Simpatizamos com o protagonista e queremos que tudo dê certo para ele – e quando ele entra em uma enrascada, ou seja, 100% do tempo, sentimos muita tensão pelo que pode acontecer a seguir. Todos os momentos de suspense da narrativa são eficazes e elevam muito o material. A direção de Andrea Di Stefano em seu segundo filme ótima.

Kinnaman é muito convincente no papel principal. O ator sueco consegue transparecer toda a frustração, dor e violência de Koslow; conforme as cenas passam e a situação dele fica pior, o papel exige muito e Kinnaman sempre entrega muito bem. O elenco de apoio do filme é surpreendentemente cheio de estrelas nos papéis secundários, mesmo que eles tenham pouco a fazer a não ser ficarem com cara de preocupados o tempo inteiro. Rosamund Pike, Ana de Armas, Common e Clive Owen. Por melhor que estes nomes sejam e por mais competentes que eles sejam, eles não recebem nenhum tipo de desenvolvimento.

Por falar em Pike, é de se destacar que nos últimos meses a Netflix a manteve no mapa por lançar Eu Me Importo (que a rendeu diversas indicações a Melhor Atriz – Comédia), Radioativo e agora O Informante – mesmo assim é uma pena que ele nunca teve outro projeto no nível de Garota Exemplar. Clive Owen, infelizmente, segue sua maré de papéis secundários imemoráveis desta vez dando vida para um vilão sem graça e unidimensional. Uma pena.

No entanto, a produção perde um pouco de sua força na última meia hora. Os acontecimentos, que eram bastante realistas e pé no chão, ficam um pouco absurdos demais e, por conta disso, o filme acaba perdendo um pouco do seu charme. A conclusão também pode não ser satisfatória para todo mundo, mesmo sendo condizente com o tom da trama que foi construído até lá. Outros pontos fracos são as subtramas de Edward Grens (Common), um policial da divisão de Crimes Organizados que quer trazer justiça para a morte do seu colega, e Keith Montgomery (Clive Owen), um superior desonesto do FBI. Sempre que o foco passa pra eles, o filme fica menos interessante.

Com uma hora e cinquenta minutos de duração, O Informante é um bom entretenimento: ágil, tenso e trágico. Prende o telespectador do início ao fim.

Nota:


Quer ficar por dentro de todas as novidades sobre filmes e séries? Siga a gente no Instagram!

The following two tabs change content below.
Estudante de jornalismo, tem 21 anos e é assistidor de séries semi profissional. Viciado em cinema desde sempre, nunca trabalhou na área e pretende mudar isso algum dia. Fã do Studio Ghibli, slashers e musicais, adora cinema sul-coreano e nas suas formas de vingança.

Latest posts by Diego Francisco (see all)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *